• 16.04.2021
  • Dicas

16 DICAS DE SEGURANÇA PARA EMPRESAS E MOTORISTAS NA CONTRATAÇÃO DE FRETES

16 DICAS DE SEGURANÇA PARA EMPRESAS E MOTORISTAS NA CONTRATAÇÃO DE FRETES

Fonte: Mundo Logística

Garantir a segurança durante a contratação de fretes no transporte de cargas é um dos maiores desafios para quem trabalha no setor. Afinal, esse tipo de problema pode causar inúmeros prejuízos aos caminhoneiros e também afetar significativamente a lucratividade das empresas. Essa adversidade é tão séria que os roubos de carga somam prejuízos de mais de R$ 1,5 bilhão anualmente, segundo estudo realizado pelo Grupo Tracker. Por isso, a FreteBras, plataforma on-line de transporte de cargas da América do Sul, preparou algumas dicas para auxiliar motoristas e contratantes a fechar fretes de forma mais segura, após extensa consulta a atuantes do mercado.

 

“Estas recomendações de segurança foram agrupadas depois de várias conversas que tivemos com caminhoneiros e transportadores, durante a concepção do programa Frete Seguro, um investimento milionário que faremos para apoiar na prevenção à fraudes do setor. Temos discutido também com seguradoras, agentes independentes e líderes informais, tudo com o objetivo de identificar os principais fatores de risco e atuar rapidamente. O que ficou claro para nós é que, para que o transporte de cargas seja mais seguro, é preciso a colaboração de todos.” – Bruno Hacad, diretor de Operações da FreteBras.

 

Confira as dicas:


 Segurança para empresas

  1.  Em contratações remotas, sempre que houver possibilidade, fale com o caminhoneiro por chamada de vídeo;
  2.  Não realize o pagamento do frete em conta bancária de terceiros. Faça sempre o pagamento na conta do motorista ou titular da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) a qual o veículo está vinculado;
  3.  Tenha cuidado com contratos falsos de locação ou compra de veículos. Muitos golpistas se utilizam dessa artimanha para transmitir uma falsa sensação de confiança;
  4.  Confira com muito cuidado toda a documentação recebida, com atenção à autenticidade dos dados;
  5.  Não abra mão, mesmo que em situações urgentes, de seguir os processos de segurança da empresa, como, por exemplo, a contratação de seguro, consulta em GR, etc;
  6.  Não faça o pagamento do adiantamento do valor do frete sem garantias de que o veículo esteja no local de carregamento;
  7.  Peça referências de empresas com as quais o caminhoneiro já tenha trabalhado;
  8.  A própria FreteBras disponibiliza uma funcionalidade de avaliação de motoristas. Consulte-a sempre e lembre-se de sempre fazer as suas próprias avaliações, ajudando, assim, toda a indústria.


 Segurança para caminhoneiros

 

  1.  Cuidado com o “fretão”. Redobre a atenção com ofertas de frete com valor muito acima do praticado no mercado;
  2.  Pesquise ou busque referências sobre a empresa embarcadora responsável pela carga;
  3.  Consulte o endereço do carregamento. Existem relatos de motoristas que utilizam táxi ou mototáxi para verificar o local antes de se aproximarem com o caminhão;
  4.  Se estiver próximo ao local do embarque e o lugar for muito afastado e deserto, desconfie. Principalmente se as instruções forem para ficar parado e aguardar;
  5.  Cuidado ao fazer pagamento de taxas ou valores cobrados antes do carregamento, fora do local de embarque ou para pessoas desconhecidas;
  6.  Atenção ao realizar devolução de valores em contas bancárias de terceiros. Após o recebimento do frete, se realmente for necessário, faça o estorno para a mesma conta remetente;
  7.  Utilize a função “Check-in Privado” do aplicativo da FreteBras. Ela permite consultar fretes e manter a privacidade dos dados de contato do motorista;
  8.  Aproveite a garantia do saldo do frete que a FreteBras oferece, como forma de proteção para os motoristas que possuem uma conta digital de pagamentos cadastrada com a empresa.